Home SHOWS Outros Rafael Toledo apresenta “No Badauê: Um tributo a Tropicália

Rafael Toledo apresenta “No Badauê: Um tributo a Tropicália

0

O músico Rafael Toledo apresenta o show “No Badauê: Um tributo a Tropicália com participação especial da cantora Bruna Moraes no Teatro João Caetano no Projeto 15 PRAS 7 no dia 31 de janeiro/2019 quinta feira as 18:45h.

Se você gosta da música de Caetano, Gil, Moraes Moreira, Rita Lee, João Donato, A Cor do Som, Pepeu Gomes, Jorge Mautner entre muitos outros que fizeram sucesso no tempo da Tropicália não deve perder o show NO BADAUÊ: UM TRIBUTO À TROPICÁLIA que o musico Rafael Toledo apresentará no Projeto 15 PRAS 7, do produtor João Luiz Azevedo, no Teatro João Caetano, no dia 31/01 (5ªf) 18:45h.

O show contará ainda com os músicos Cacá Franklin (percussão), Dudu Dias (baixo), Jorge Gomes (bateria), Omar Fontes (teclados) e a cantora Bruna Moraes, todos integrantes do super musical ‘Gonzaguinha: O Eterno Aprendiz’, em cartaz há 5 meses no RJ e atualmente, também em cartaz no Teatro João Caetano (de 6af a domingo). A cantora Marcinara Toledo também participa do espetáculo.

A TROPICÁLIA

O nome do movimento tropicalista nasceu de uma obra do artista plástico Hélio Oiticica.

Os principais representantes do movimento foram: Hélio Oiticica, Arnaldo Baptista, Caetano Veloso, Capinam, Gal Costa, Gilberto Gil, Glauber Rocha, Guilherme Araújo, Jards Macalé, Jorge Mautner, Júlio Medaglia, Lanny Gordin, Os Mutantes, Rita Lee, Rogério Duarte, Rogério Duprat, Tom Zé, Torquato Neto, Waly Salomão, Nara Leão.

O movimento surgiu, na década de 1960, da união de uma série de artistas baianos, no contexto do Festival de Música Popular Brasileira promovidos pela Rede Record em São Paulo e Rede Globo no Rio de Janeiro.

Embora marcante, o Tropicalismo era visto por seus adversários como um movimento vago e sem comprometimento político.

De fato, os artistas tropicalistas fazem questão de ressaltar que não estavam interessados em promover, através de suas músicas, referências temáticas tradicionais à problemática político-ideológica, como feito até então pela canção de protesto: acreditavam que a experiência estética valeria por si mesma e ela própria já é um instrumento social revolucionário.

Dado o caráter repressivo do período, a intelectualidade da época tendia a rejeitar a proposta tropicalista, considerando seus representantes alienados.

Apenas décadas mais tarde, quando o movimento já havia se esvaziado, ele passou a ser efetivamente compreendido e deixou de ser tão criticado.

A proposta de fazer um “show tributo” ao movimento do tropicalismo partiu da riqueza das letras e músicas da época que mudaram muito o cenário musical brasileiro e vem até hoje de forma atual tocar os corações e as mentes de quem as escuta.

Vale ressaltar que neste tributo Gil e Caetano tem a maioria das músicas do repertório conhecido da época, mas outros como A Cor do Som, Novos Baianos, Jorge Mautner, Moraes Moreira também fazem parte desde show.

Rafael Toledo, a sua maneira, relê estas canções junto com músicos de primeira grandeza do cenário brasileiro e ainda conta com a participação de cantoras para abrilhantar mais ainda o espetáculo.

Vale a pena conferir.

Repertório:

A filha da Chiquita bacana – Caetano Veloso

Abri a Porta – Dominguinhos e Gilberto Gil

Alegria, Alegria – Caetano Veloso

Andar com fé – Gilberto Gil

Ando Meio Desligado – Arnaldo Baptista, Rita Lee e Sérgio Dias

Bloco do Prazer – Moraes Moreira

Cavaleiro de Jorge – Caetano Veloso

De Noite na Cama – Caetano Veloso Expresso 2222 – Gilberto Gil

Gente – Caetano Veloso

Índigo Blue – Gilberto Gil

Lugar Comum – João Donato e Gilberto Gil

Maracatu Atômico – Jorge Mautner e Nelson Jacobina

Nosso Estranho Amor – Caetano Veloso

Odara – Caetano Veloso

Os Mais Doces Bárbaros – Caetano Veloso

Panis et Circenses – Gilberto Gil e Caetano Veloso

Punk da Periferia – Gilberto Gil

Queixa – Caetano Veloso

Realce – Gilberto Gil

Refazenda – Gilberto Gil

São João Xangô Menino – Caetano Veloso

Semente do Amor – Mú Carvalho e Moraes Moreira

Sim Não – Caetano Veloso

Super-Homem a canção – Gilberto Gil Tempo de Estio – Caetano Veloso

Tigresa – Caetano Veloso

Trilhos Urbanos – Caetano Veloso

Tropicália – Caetano Veloso

Um índio – Caetano Veloso

Um Raio Laser – Pepeu Gomes

Vaca Profana – Caetano Veloso

Kombi 75 – Rafael Toledo

Batatas no Balde – Rafael Toledo e Wolf Borges

 

O cantor e violonista Rafael Toledo, os músicos Cacá Franklin (percussão), Dudu Dias (baixo), Jorge Gomes (bateria), Omar Fontes (teclados) e as cantoras Bruna Moraes e Marcinara Toledo.

No Badauê: Um tributo a Tropicália

Data: 31/01/2019

Horário: 18:45h.

Teatro João Caetano

Praça Tiradentes

Preço dos Ingressos: R$ 40,00 / R$ 20,00 (meia para estudantes, jovens até 21 anos e idosos acima de 60 anos e professores da rede municipal).

Livre para todas as idades

Capacidade do teatro: 600 lugares

Produção e Assessoria de Imprensa do Projeto 15 PRAS 7: João Luiz Azevedo

Veja mais artigos
Load More In Outros

Verifique também

Festival “João Rock e você” terá transmissão ao vivo com muita música

João Rock e Você contará com 6 bandas em 8 horas de transmissão ao vivo pela internet O Fe…